Casamento – Todo casamento tem seus altos e baixos, seus dias de glória e seus desafios. Mas há certos momentos que percebemos que algo muda e as situações chegam a um limite. Este é o momento da corda bamba e nem sempre os casais conseguem reverter o quadro. Qual é a solução para tirar o casamento da corda-bamba? Confira a seguir!

De olho no desgaste

A rotina é massacrante para todo casal. Não a parte boa da rotina, que conduz a organização da casa e da vida a dois. Mas aquela rotina entediante que faz cada dia ser uma reprise eterna dos dias anteriores. Para onde foram aqueles momentos legais dos tempos em que o casal se conheceu? Para onde foram as descobertas? Elas ainda estão aí e sempre tem algo legal para compartilhar e descobrir com o seu companheiro, mas muitos desaprendem a buscar por novidades.

casamento

A rotina lega ao desgaste da relação. Quando ambos percebem que está acontecendo a tempo, ainda é possível reverter o quadro, mas para isso os dois devem estar dispostos a mudar e a ceder. Entretanto, quando o casal passa a sofrer as consequências do desgaste de maneira mais profunda, a transformação e maturação da relação fica comprometida.

Mas e o que leva o relacionamento ao desgaste? Os motivos podem ser uma combinação infinita de fatores. Conheça alguns deles e veja se é isso o que acontece com você e seu companheiro:

  • Falta de intimidade: A rotina cansa e as pessoas acabam se afastando. Ter intimidade em todos os níveis – seja na relação sexual ou ao dividir os desafios e ganhos do dia a dia – é muito importante para que o casal tenha uma vida saudável. A solução, neste caso é: ter mais momentos a dois; fazer coisas juntos; colocar-se no lugar do outro para compreender as suas atitudes e perspectivas; expor as coisas que gosta e as que não gosta muito durante a vida a dois, etc. Busquem novas maneiras de conviver e trocar experiências de todos os tipos. Se nos últimos tempos o foco são os filhos e a casa, é preciso lembrar que o casal também deve ter os seus momentos exclusivos.
  • Falta de comunicação: O desgaste sempre vem acompanhado de sentimentos e emoções caladas ou expressadas de forma indevida. É preciso que ambos tenham uma conversa franca e civilizada sobre o que está acontecendo. É preciso sentar e tratar das diferenças. Fale calmamente sobre aquilo que incomoda e dê sugestões de como podem melhorar. Saiba ouvir o que o seu companheiro tem a dizer – coloque-se no lugar dele ou dela e veja sob a sua perspectiva. Você não precisa concordar com o que ele diz, mas deve respeitar a sua opinião. O consenso chega quando ambos estão dispostos a ceder um pouco para resolver a situação. A comunicação é como um casamento: há duas partes envolvidas e que devem aprender a interagir entre si.

casamento

  • Falta de valorização do companheiro: Há a troca de elogios sinceros entre você e seu parceiro? Isso ocorre com que frequência? Quando o seu companheiro tem êxito em um projeto você fica feliz por seus ganhos? O mesmo ocorre entre ele/ela e você? Você sabe elogiar as características positivas do seu parceiro? Há apoio entre ambos quando uma situação ruim acontece? Faça uma pequena análise sobre como cada um reage nos momentos de vitórias e derrotas e quanto às suas características positivas. Quando não há valorização sua em relação ao companheiro, a resposta também passa a ser menor.
  • Incapacidade de resolverem os problemas conjuntamente: A falta de comunicação, de confiança e o desgaste podem resultar em uma incompatibilidade de trabalhar em conjunto. Os problemas de um casal não são de responsabilidade de apenas um dos parceiros, mas dos dois. Com o tempo, se não há um trabalho conjunto, o casal não amadurece e passa a não conseguir mais resolver as suas demandas. Isso pode colocar o casamento na corda bamba.

Aceitação e distanciamento amoroso

Quando o casamento está na corda bamba, o casal se vê em um ponto de decisão: ou unir forças para reverter a situação ou terminar o relacionamento. Um relacionamento pode terminar cheio de mágoas e ressentimentos ou de forma madura, com um distanciamento saudável e amoroso. Se é impossível superar os desafios da falta de comunicação, o desgaste da rotina, a falta de intimidade e valorização e se é impossível conviver com os problemas conjuntamente, e se nada faz sentido entre vocês, será que a melhor saída não é mesmo desapegar da relação amorosamente? Se vale a pena mudar, façam disso uma jornada gratificante a dois. Se a relação está insustentável, abram mão dela sem culpa. O importante sempre é ser feliz!

Malu Moreira

Malu Moreira trabalha com relacionamentos há mais de 15 anos. Durante todo esse tempo, trabalhou com diversas culturas e costumes, aumentando ainda mais o seu conhecimento e experiência no dia a dia com relacionamentos. Casada e mãe de quatro filhos, ela vive em “estado de graça”, como costuma sempre dizer.

Sua estrada traz na bagagem além do Brasil, países como Bolívia, Portugal, Angola, Inglaterra e Suíça, onde reside atualmente.

E como ela sempre diz: “Eu acredito que duas pessoas possam viver em perfeita harmonia, respeitando os seus limites, contanto que estejam tomadas pelo amor”.

Leave a Reply

Your email address will not be published.